“Há quem dê generosamente, e vê aumentar suas riquezas; outros retêm o que deveriam dar, e caem na pobreza.” (Provérbios 11:24)

DAR significa RECEBER. Essa é a lei da “colheita segundo a semeadura”; algumas pessoas já aprenderam esse segredo, pois a generosidade leva a pessoa a ser continuamente abençoada, aumentando o que tem. Quanto mais ela dá liberalmente, mais ela terá em abundância!

Em contra-posição, o que semeia pouco, pouco colherá. Essa é igualmente uma questão de como funciona a “lei da colheita segundo a semeadura”: o que não dá suprindo as necessidades alheias, termina, ele mesmo, padecendo necessidades.

“O generoso prosperará; quem dá alívio aos outros, alívio receberá.”
(Provérbios 11:24-25)

Temos aqui uma figura simbólica da necessidade de “chuvas” para que haja uma agricultura bem-sucedida. Um homem bom é como uma chuva abençoada para os outros; a generosidade é a medida do homem e também apenas outro nome para o “amor” que define tão bem, assim como é um indicador essencial aos que amam a Deus!

Sua contribuição voluntária, é uma semente plantada em terra fértil e prosperará segundo sua espécie; tenha a certeza que Deus te respaldará e te dará uma colheita abençoada!